7/30/2016

Minhas 9 formas de economizar dinheiro


Algumas dicas simples que tenho, mas já conhecidas de muitos, para economizar dinheiro:

1) Usar contas digitais para suas contas correntes

Alguns bancos (Bradesco, BB, Itaú, Intermedium) têm as chamadas contas digitais, são contas gratuitas, a limitação é que você deve fazer tudo por meios digitais e eletrônicos. Qualquer coisa além disso é cobrado. O melhor para mim é poder fazer TED e DOC sem nenhum custo. Todo o resto é ilimitado: extratos, saques, transferências, pagamentos, usar cartão de débito, usar poupança.

Para conhecer mais o assunto clique aqui.

2) Usar cartão de crédito sem anuidade

Eu odeio dar dinheiro para banco e você? Além disso, você deve repensar seus conceitos e ver se realmente todos aqueles benefícios que o banco diz ter é usado por você. Eu já tive Platinum e nunca usei os benefícios. Claro, eu ganhava a anuidade e por isso usava. Agora os bancos estão fechando o cerco e azar o deles! Que a concorrência cresça e os grandes bancos aprendam a fazer anuidades menos onerosas.

Aqui temos as opções: NuBank, Cartão Petrobrás, Cartão Saraiva e Santander Free.

Posso falar do NuBank que é a opção que aderi. O serviço por ele é todo digital, você precisa de um SmartPhone para usar. A desvantagem é não ter milhas e o limite inicial ser baixo, mas você pode ir pedindo o aumento do limite aos poucos. O cartão é Gold.


3) Não pagar TV à cabo. Usar Netflix.

Você precisa mesmo de 300 canais? Vejo pessoas que tem TV à cabo mas em 90% do tempo assistem GLOBO. Cada dia mais pessoas cancelam a TV à cabo e assinam Netflix. É também uma opção. Netflix fica por 20 reais mensais e uma assinatura da Net ou GVT fica sempre mais de 100 reais. E você pode ainda usar a assinatura de algum parente ou amigo. A própria Netflix não parece ligar pra isso. 

3.1) Não ir ao cinema. Baixar filmes.

Cinema tem se tornado uma desgraça. Pessoas sem educação que ligam o celular no meio do filme e ficam com a tela brilhante na nossa cara. Adolescentes estridentes. Pessoas conversando durante o filme. Gordos que não conseguem esperar 2 horas pra comer suas besteiras barulhentas. Sem falar que para ver filme se paga estacionamento, comida em shopping e tempo de trânsito. Vale a pena? Por isso diminui minha ida ao cinema de 1 vez por mês para 1 vez a cada 3 ou 4 meses. Só quando tem um filme que tenho MUITO INTERESSE.

Eu baixo muita coisa também.. filme, seriado. Uso torrent, principalmente Kick Ass, EzTV e Pirate Bay. Tá valendo mais a pena! Obs.: para quem acha que torrent e baixar cópias de filmes é atividade ilegal no Brasil, pesquise mais! Não é!

4) Explorar o mercado de usados e seminovos

O mercado de usados principalmente por OLX, Mercado Livre e outros é ainda tímido mas em crescimento no Brasil. Livro usados eu uso o Estante Virtual. Já comprei coisas usadas com qualidade de novo e com um grande desconto no preço. Ah.. e vendo muita coisa usada também pelo Mercado Livre: eletrônicos, objetos de casa etc.

5) Comprar no exterior (mas...)

Já foi melhor comprar no exterior. Hoje o governo está passando o rodo e roubando (cobrando) o máximo de impostos que conseguir de qualquer remessa. Para pior o dólar ainda está alto. Entretanto ainda vale a pena comprar certas coisas. Uso mais para itens pequenos e baratos (até uns 20 reais). Uso principalmente o Ali Express. Deal Extreme, EBay.

6) Celular? Plano mais barato. Telefone fixo? Coisa do passado

Uso o plano mais barato da TIM e estou satisfeito. Busco resolver tudo por whatsapp e email, quando não dá vai de Celular. Nunca gasto de mais que 50 reais por mês de celular. Outra opção é ter os chips mais usados do seu estado/cidade. Geralmente ligações entre as mesmas operadoras são gratuitas ou mais baratas. Na minha família todo mundo usa TIM. Isso facilita. Esse negócio de ter vários chips enche o saco, mas conheço gente que tem celular de 3 chips um para cada operadora para economizar. 

De tempos em tempos olho as promoções de planos e mudo quando é melhor. Eu estava com um de 48 reais e mudei para um de 35 reais. Já pensei em fazer pré-pago, mas estou no pós-pago por facilidade.

Ah.. aqui na minha casa não temos telefone fixo há uns 3 anos. Pra quê? Cada um tem seu celular. Telefone fixo só dava spam de empresa querendo vender coisa pra gente. É um saco. Além do custo a mais.

7) Buscar descontos, promoções e melhores preços

A eterna busca por preços melhores eu faço por: Buscapé e Zoom. Muita gente usa o Fórum hardmob para achar promoções, mas eu não uso muito

8) Comer em casa e não fora

Gosto muito de um bom restaurante, pizzaria e etc, mas comer fora está ficando muito caro. Se eu sair para comer fora do fim de semana do mês gasto fácil mais de 400 reais. Fazer uma comida caseira ou ainda usar aplicativos para pedir comida em casa (PedidosJá, iFood) é bom porque você privilegia o mercado próximo à sua casa, que geralmente é mais barato. 

As coisas estão ficando muito "gourmetizadas". Veja essa moda de hamburguer gourmet, por exemplo. Já comi muito hamburguer bom, mas é muita boiolagem, cheio de ingredientes caros. No último paguei uns 50 reais, tinha uns bacons cabulosos de grande, mas sinceramente não volto tão cedo. O hamburguer de trailer ao lado da minha casa que custa 10 reais já me satisfaz na maioria das vezes.

9) Não emprestar dinheiro

Essa é muito pessoal. Já me ferrei muito emprestando dinheiro para amigos e parentes. É uma das maiores furadas, pois eles irão demorar a pagar, não pagarão juros, te darão um obrigado bem tímido, e quando você precisar deles eles te virarão as costas (sério, aconteceu comigo várias vezes). Parece que as pessoas acham que você é OBRIGADO a ajudá-las, mas quando você precisar de ajuda.. aí não.. elas não são obrigadas a nada. Qualquer coisa acima de 40 ou 50 reais eu já digo logo que não tenho, abaixo disso eu penso.


É isso, pessoal. E você, quais suas formas de economizar dinheiro?

7/11/2016

Minha relação com as dívidas

Sempre odiei fazer dívidas. Inclusive durante muito tempo não tive cartão de crédito, por acreditar erroneamente que isso só servia para endividar as pessoas e torná-las escravas de dívidas infinitas. Claro, que depois de um tempo amadureci e compreendi que o cartão de crédito é muito bom se bem usado. Mas ainda assim não gosto de parcelar em 12x, 24x, 54 vezes. Me coço todo para, se puder pagar, parcelar em no máximo 4 ou 6 vezes.

Em relação à dívidas, tenho apenas uma. De 10 mil reais. Do FIES. Sim, entrei nessa. Felizmente, o juros dela é tão baixo (acredito que 0,34% ao mês) que não vale a pena pagar tudo de uma vez. Mas.. também me coço com vontade de pagar tudo e me ver livre dela. Hoje mesmo separei 3 mil reais e fui a uma CEF para abater parte da dívida. Mas pensei... 3 mil reais... melhor jogar no TD Selic ou comprar FII, ganho mais.. e acabei voltando atrás.

Fico imaginando quando eu for financiar meu primeiro imóvel. Acho que não vou dormir de ansiedade. Ter que pagar 2 mil, 3 mil por mês? Durante 10, 15, 20 anos? Tá doido! Me incomoda demais, me sinto preso mesmo podendo pagar.

Sempre fui assim em relação à dívidas. Até mesmo dívidas que tenho com amigos. Odeio dever algo pra alguém. Se peço emprestado 10 reais pra alguém, no dia seguinte eu pago (ao contrário de vários 'amigos' picaretas que tenho, que me devem e me enrolam por anos). Claro que não é saudável ter tanto fobia de dívidas, muitas vezes elas são necessárias.

O ponto positivo é que provavelmente nunca terei meu nome sujo, meus bens penhorados e coisas do tipo. Não se depender de mim.

E você, qual é sua relação com empréstimos, dívida, cartão de crédito?

7/06/2016

Balanço Junho. (+15.604,03)

Mais um balanço (Junho/2016), como sempre atrasado. Por isso, vamos direto ao assunto!


Visão geral do patrimônio:





Mês importante para mim, pois comecei a abrir posição em FII. Investimento que julgo muito interessante, por ser uma forma da classe média investir em imóveis de alto padrão, que de outra forma nunca teriam acesso.

No momento comprei: FFCI11, HGRE11, BRCR11, RBRD11, FIIP11B, AGCX11, HGLG11, KNRI11.  Críticas e sugestões são bem vindas.





Em Junho aportei cerca de 18 mil. Recebi um vencimento de 16 mil de um LCI, com mais 2 mil de sobra de salário e direcionei para ações e FIIs.

A carteira como um todo valorizou  2,07% neste mês. E ao ano 7,88%.



Como vocês podem ver a ESTC3 cresceu em mais de 45%. Já até coloquei ordem para vender hoje. Vendo sim pois não pretendo ser sócio da Kroton. E um subida dessa é imperdível. Se der problema e barrarem a fusão, comprarei a ESTC3 novamente, mas com um preço que estará em queda.

Aumento patrimonial:
R$ 216.553,53 para R$ 232.157,56
Crescimento de 7,2% (acima da média do ano de 5,1%)
Se continuar assim devo fechar o ano com mais de R$ 290 mil.

Doações para instituições de caridade: R$ 180,00

Para onde vou?
Pretendo ter 10% em ações e 10% em FIIs, até me sentir confortável com ambos.
Pretendo comprar mais ações e/ou FIIs. Talvez vender alguns TD Selic.

Estou de olho em: CVCB3, MDIA3 e BBRC11, FAED11B, MAXR11B, HGBS11.



Vídeo para reflexão:

SALVE SEU AMIGO MARXISTA - MOSTRE ESSE VÍDEO A ELE



6/06/2016

Artigos interessantes: Gazeta do Povo

No meu blog não vou apenas divulgar meu balanço mensal, mas também ideias, vídeos, artigos de diversos temas que eu ache interessante.

Me interesso por temas como cultura, sociologia, moral, política e religião. Para mim economia é apenas UM dos diversos aspectos da vida. Por isso mesmo não me defino como "liberal", pois tenho uma visão mais ampla sobre a realidade, não acho que dinheiro e economia resolvem todos os problemas do mundo, nem mesmo a maioria dos problemas.

Um jornal que tenho gostado bastante é o Gazeta do Povo, que hoje conta alguns Colunistas que expressam opiniões bem diversas da maioria (xó marxismo, xó politicamente correto, xó lugar comum). Entre eles destaco o Carlos Ramalhete (o descreveria como um conservador, católico, monarquista) e ainda o Bruno Garshagen, que transita entre o liberalismo e o conservadorismo.

Também vale a pena dar uma olhada no Flavio Quintela, apesar de ser o mais fraco desses que cito (muito liberal para o meu gosto) ele é autor de dois livros que considero dignos de leitura: Mentiram (e muito) para mim e Mentiram para mim sobre desarmamento. O primeiro versa sobre as mentiras que nos contam na escola, principalmente sobre história, economia e política, e o segundo sobre a questão do desarmamento, escrito em conjunto com um especialista no assunto, Bene Barbosa.

Outra parte do site que descobri recentemente (agora está parecendo que estou sendo pago para divulgar, mas não estou rs) foi o Giro de Opinião, que busca artigos interessantes de várias fontes toda semana. Muito bom para descobrir novos sites, autores e opiniões. Por exemplo, no último apanhado trouxeram um artigo do Tradutores de Direta, um site que faz um trabalho importantíssimo em divulgar artigos e vídeos de outros países.


Fico por aqui. Sayonara.

6/03/2016

Balanço Maio/2016 (+10.745,56)



Primeiro post do blog :) 
Começo com as ações:





Distribuição do meu patrimônio:






Dá para ver que tenho MUITO patrimônio em renda fixa (LCI / TD / CDB).
Pretendo no mês de Junho aportar em ações e FII para ir diminuindo essa exposição. Em Junho pretendo receber um LCI de 16 mil e retirar uns 8 mil da poupança, totalizando 24 mil de aporte que deve ir para Ações (uns 10 mil) e FII (uns 14 mil).

No mês de maio aportei 15 mil.

Aumento patrimonial:
R$ 205.807,97 para R$ 216.553,53.
Crescimento de 5,2% (acima da média atual de 4,3%)

Doações para instituições de caridade: R$ 195,00

Obrigado por lerem. Estou entrando agora na blogosfera financeira e pretendo aprender bastante com vocês.


Vídeo para reflexão: Seja homem e case!